Presidente Peres

Foi aberta a janela para a paz

  •    
    O Presidente  Shimon Peres viajou para o Kibbutz de Yad Mordechai do Sul nesta terça-feira para celebrar em atraso com as crianças o Purim que ,uma vez que o feriado foi arruinado pelo rebentamento de mísseis disparados da Faixa de Gaza.
  • Ynet
     
    As crianças saudavam o presidente, já vestidas com as suas fantasias do Purim, cantando e abanando as bandeiras.
     
     
    “O abrandamento dos lançamentos de mísseis, abre uma janela para a paz,” afirmou Peres quando efectuava uma visita a uma escola local. “Nós temos que compreender  também o povo do outro lado. Estes grupos estão a fazer com que eles vivam na pobreza. Nós temos a esperança de permanecer fortes, quero dizer atravês de meios pacíficos.”
     
    Ele enalteceu a coragem das crianças diante desta escalada de violência.
     
    “O meu desejo é que vocês se tornem o future promissor do Estado de Israel, e saber que vocês estão a fazer o que muitas outras crianças não fazem” ele disse.”Vocês não têm medo dos mísseis Qassam e eu tenho a certeza de que quando crescerem vocês serão boas pessoas.”
     
    Em relação ao cessar-fogo acordado com os grupos terroristas de Gaza durante a noite, Peres disse: “Eu penso que o Egipto teve um papel muito importante neste acordo. As pessoas que que dispararam os mísseissufreram pesadas baixas.
     
    “Tudo começou quando um grupo terrorista planeava entrar em Israel, mas graças a Deus eles foram impedidos de o fazer.”
     
    O Chefe do conselho regional de Hof Ashkelon Yair Farjon afirmou durante a cerimónia que os habitantes da região“desejam ser o colete a prova de bala do país” se isto siginfica deixar as Forças de Defesa de Israel continuarem a sua missão
     
     
     
  •