Ataques terroristas em Gaza

Mísseis fustigam Sul de Israel

  •   Terroristas de Gaza Fustigam zona Sul
  •    
    Continua o bombardiamento incessante no sul: Os terroristas de Gaza dispararam mais de uma dezena de mísseis nas comunidades israelenses de Negev nesta segunda-feira, enquanto se intesificam as tensões na zona Sul da fronteira pelo quarto dia seguido. 
  • icon_zoom.png
    PALESTINIANS-ISRAEL/ PALESTINIANS-ISRAEL/
    Ynet
     
    Alertas vermelhos e sirenes de raids aéreos são ouvidos frequentemente em toda a extensão do sector Sul, desde as comunidades vizinhas de Gaza e Sderot, até Beersheba, Ashdod, Ashkelon e Gan Yavne; seguidos dos sons de explosões dos projectis.
     
    A Jihad Islamica reivindicou a responsabilidade dos bombardeamentos da manhã.
       
     
    Os jactos da Força aérea de Israel, ripostaram, atingindo várias células terroristas da Faixa de Gaza durante a madrugada e na manhã de segunda-feira. O IDF(Forças de Defesa de Israel) fez saber que segundo os pilotos, o alvos foram atingidos.
     
    Alertas vermelhos foram ouvidos nos arredores de Sderot ao meio-dia e um momento depois, explodiram dois mísseis, um ligeiramente for a dos limites da cidade, e outro nas proximidades da Costa Regional de  Ashkelon. Não existem relatos de danos ou feridos.
     
    Pelo menos  cinco mísseis Grad foram lançados em Beersheba desde as primeiras horas da manhã, o Iron Dome (escudo anti-aére) estacionado na zona, foi foi eficaz evitando que os mesmos se caíssem na cidade, embora que existam relatos de que um dos mísseis tenha caído nos arredores da cidade. Foram disparados mais tarde dois mísseis em Ashdod, ambos foram interceptados pelo Iron Dome.
     
     
    Um porta-voz do Conselho Regional de Eshkol disse que sete mísseis foram disparados nas comunidades do conselho durante a noite, tendo caído maioritariamente em áreas abertas. Um dos mísseis atingiu um edifício onde funcionava um jardim de infância, causando apenas danos materiais.
     
    Outros dois mísseis foram lançados na area de Lachish sem causar quaisquer feridos.  
    O IDF aconselhou os residentes locais a manterem-se perto dos  abrigos e acatarem as ordens das forças de segurança.
    Fontes palestinas dão conta de dois ataques da Força Aérea nas faixas norte e sul, provocando a morte a 35 civis.
    De acordo com um dos relatos, um operativo das Brigadas al-Quds, a ala militar da Jihad Islâmica, foi morto em um dos ataques.
     
    Fontes Palestinas dizem ainda que um dos ataques causou o colapso de um prédio de três andares causando ferimento a 17 pessoas no bairro de Jabalya a norte de Gaza.
    O Vice-Secretário Geral da Jihad Islamica Ziad a-Nahala negou nesta segunda as notícias que davam conta que o Egipto estava a negociar um cessar fogocom os grupos militantes de Gaza.
     
     
     
    Ilana Curiel, Elior Levy, Yoav Zitun e Neri Brenner contribuíram para esta reportagem
     
  •